Responsável Técnico: Dr. Gladyston Matioski CRM 21048/PR

Dores no quadril? Veja quais são as possíveis causas


O quadril é uma importante articulação do corpo humano. É responsável pela sustentação de parte da estrutura esquelética e é necessário para a realização de tarefas essenciais como caminhar e sentar.

Como outras articulações do corpo, o quadril pode ser acometido por uma série de doenças que vão desde lesões, inflamações e fraturas, até necrose. Pessoas que possuem alguma patologia na região podem perceber, além da dor que pode ser moderada ou intensa, sensação de formigamento ou dormência.

Os tratamentos para as doenças no quadril podem ser feitos com uso de medicamentos, fisioterapia ou ainda, cirurgia, dependendo do tipo de lesão e evolução da doença. Atualmente, os tratamentos para as patologias da região pélvica têm alcançado resultados satisfatórios.

Confira quais são os principais quadros que acometem a articulação do quadril:

Artrose

Atingindo entre 5 e 10% da população, é uma das doenças mais comuns na região do quadril. Apesar de poder ocorrer com pessoas jovens, é mais comum em pacientes com mais de 60 anos. A artrose é causada por uma deterioração da cartilagem que recobre os ossos.

Artrite

Ocorre quando há uma inflamação nas articulações e tem como principal sintoma a dor na região da coxa, quadril ou nádegas.

Bursite

Também é uma doença inflamatória. A inflamação acontece em uma região chamada Bursa, espécie de bolsa que fica localizada entre o tendão e a pele ou osso e serve para amortecer o atrito entre as partes. Nesse quadro, a dor ocorre, normalmente, na lateral do quadril e tende a piorar à noite. Pelas caraterísticas do quadril, as mulheres têm maior probabilidade de adquirir a doença.

Tendinite

Assim como em outras partes do corpo, o quadril também pode sofrer um processo inflamatório chamado de tendinite. É mais comum em atletas e pessoas que fazem esforços repetitivos que comprometem a região do quadril.

Lesões pélvicas

São causadas em consequência de estiramentos ou rupturas dos músculos que envolvem o quadril. Também podem ocorrer devido a inflamações na região. Geralmente a dor começa na virilha e irradia para o quadril.

Fraturas

Os traumas na região do quadril podem ocasionar fraturas sérias que envolvem, principalmente entre idosos, risco de morte.

Osteonecrose

Ocorre quando o fluxo sanguíneo não consegue chegar até o fêmur, gerando a morte de células ósseas do quadril. Se não tratada, pode causar perda de movimentos.

Lesão de Labrum

Trata-se da inflamação do labrum, parte que compõe a parte interna do quadril, onde o fêmur se encaixa. Por ajudar na estabilidade e lubrificação do local, o labrum é de extrema importância ao quadril. Nesses casos, o processo inflamatório ocorre após trauma. As dores podem ser sentidas na articulação do quadril e virilha, irradiando até o joelho.

Síndrome de Impacto Femoroacetabular

Nesse quadro, ocorre uma alteração no formato dos ossos do quadril, causando uma deformidade. Essa má formação pode existir desde a infância ou ser causada por alguma instabilidade. Pessoas com essa doença podem sentir muitas dores musculares e um “travamento” da articulação.

É importante observar que por causa da bacia delas mais larga e da musculatura mais frágil, as mulheres são as mais afetadas por doenças do quadril. Além disso, obesidade e sobrepeso, idade avançada, algumas doenças inflamatórias, processos infecciosos ou qualquer outra sobrecarga podem facilitar o aparecimento de algumas das doenças mencionadas.

As doenças no quadril podem gerar um comprometimento importante da qualidade de vida, causando dores e dificuldade para realização de tarefas do dia a dia. Dessa forma, é importante que ao menor sinal de dor ou formigamento, um especialista associado à Sociedade Brasileira de Quadril seja procurado.

Esse profissional poderá realizar um diagnóstico seguro e determinar a melhor linha de tratamento para cada caso.